1

Mércur Embalagens Novo Conteúdo 04

Blog

Postado em 04 de Novembro de 2014 às 11h05

O que o brasileiro pensa da comunicação impressa

Impressos (2)

Em coletiva realizada na Sede da ABIGRAF, a campanha Two Sides Brasil, que tem o objetivo de informar e difundir a sustentabilidade do papel e da impressão, apresentou os resultados da pesquisa Opinião sobre a Comunicação Impressa, realizada pelo instituto Datafolha.

Nela, foram entrevistadas 2.074 pessoas acima de 16 anos, em 135 municípios. Segundo o instituto, essa amostra garante um nível de confiabilidade de 95%, com margem de erro de dois pontos percentuais.

“Os principais números comprovam uma realidade que já intuíamos: o brasileiro prefere fazer suas leituras e comunicações em papel e também confia mais nessa mídia para conservar seus documentos importantes”, constata o country manager da campanha no País, Fabio Arruda Mortara, presidente do Sindicato das Indústrias Gráficas no Estado de São Paulo (Sindigraf-SP), entidade que coordena a implementação da Two Sides Brasil, com apoio da Associação Nacional de Jornais (ANJ), Associação Nacional dos Editores de Revistas (Aner) e outros representantes da cadeia do papel e da impressão.

Segundo o estudo, a preferência por livros, revistas e cartas em papel é característica, respectivamente, de 59%, 56% e 55% da população. Na mesma sequência, os que preferem o meio eletrônico para essas leituras correspondem a 35%, 37% e 38%. A equação inverte-se, embora com menor margem de diferença, entre os leitores de jornal – 48% preferem o eletrônico contra 46% pró-impresso. Mas 80% afirmam que ler em papel é mais agradável do que ler em uma tela.

Também no que diz respeito à conservação de documentos importantes, o impresso é disparadamente o favorito: 82%, ante apenas 17% de adeptos de mídias eletrônicas para esses arquivos.

De maneira geral, a percepção do eletrônico como mídia mais sustentável ocorre com maior frequência entre a população jovem (16 a 34 anos), com ensino superior e pertencente às classes A e B.

Apesar disso, é quase unânime (95%) a percepção – em favor do papel, diga-se de passagem – da importância da renovação de florestas para conter o aquecimento global e da reciclagem como característica de produtos sustentáveis (reconhecida por 92% dos entrevistados).

Os números deixaram claro ainda que a população desconhece quanto do papel e do papelão consumidos são reciclados (46%, de acordo com dados da Bracelpa de 2012), mas 44% acreditam que a cadeia do papel e da impressão reciclam mais do que outras indústrias.

Para 89% dos entrevistados, a extensão de áreas florestais diminuiu no País nos últimos 50 anos, mas a indústria de papel e celulose não figura entre as três atividades mais relacionadas a essa perda.

Na opinião de Mortara, a amostra confirmou também a necessidade de uma campanha como a Two Sides Brasil: “Apenas 20% dos entrevistados já tinham visto alguma propaganda sobre a sustentabilidade do papel e da comunicação impressa. É fácil inferir que faltam informações confiáveis, o que deixa brechas para mitos que alimentam a prática de greenwashing, quando empresas preocupadas em reduzir seus custos recorrem a argumentos supostamente ecológicos para cessar o envio de extratos, boletos e outras correspondências de interesse do consumidor. Temos a missão de desconstruir esse mitos”, disse ele.

Para conferir a íntegra da pesquisa, acesse https://www.sendspace.com/file/6t289e

A Two Sides Brasil integra a maior campanha mundial em favor da comunicação impressa e conta com apoio de 42 entidades, que congregam cerca 80 mil empresas, geradoras de 615 mil empregos diretos e faturamento anual de US$ 40 bilhões. A campanha Two Sides surgiu na Inglaterra e hoje está presente nos principais países europeus, nos Estados Unidos, no Canadá, na África do Sul e na Austrália. Seus objetivos são desfazer mitos e difundir informações sobre a sustentabilidade do uso do papel e da comunicação impressa, além de combater o greenwashing. No Brasil, a Two Sides foi lançada em abril de 2014.



ABIGRAF Nacional

Veja também

Mércur conquista a certificação ISO 900130/06/15 Reconhecimento Mércur conquista certificação ISO 9001. Com o selo, a expectativa da empresa é alcançar novos mercados. José Aurélio Zambenedetti, conta que o processo de implantação da ISO 9001 foi um desafio e um aprendizado para todos. No atual cenário empresarial, em que a competição e as exigências......
Logística reversa de embalagem sairá do papel06/11/14 Uma parte importante da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), publicada em 2010, está prestes a sair do papel. Trata-se da implementação da logística reversa para os setores de embalagens em geral e de......
Demanda mundial de papel deve crescer 1,7% nos próximos anos05/11/14 Uma estimativa divulgada pela Poyry aponta que apesar dos desafios que a indústria de papel tem à frente, como a substituição dos papéis gráficos pelos meios digitais, a demanda mundial deve crescer 1,7% nos......

Voltar para Notícias